terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Ciranda cirandinha ou variações sobre o mesmo tema

O mundo dá voltas.
Um dia você sobe, no outro desce.
Não cospe pro alto que cai na testa.
Aqui se faz, aqui se paga.
Cuidado jacaré, pq um dia a lagoa há de secar.
Tudo muda o tempo todo no mundo.
As coisas vem e vão.
Vão os anéis, ficam os dedos.
O mundo gira, a Lusitana roda.
Blog Widget by LinkWithin